Notícias recentes:
Home » , , » SITUAÇÃO POLÍTICA DE IBIÚNA: Acompanhe com exclusividade os dois lado desta 'novela' da vida real

SITUAÇÃO POLÍTICA DE IBIÚNA: Acompanhe com exclusividade os dois lado desta 'novela' da vida real

Postado por: gazeta de ibiuna nesta segunda-feira, 9 de dezembro de 2013 | 12:40

Reportagem Exclusiva

SITUAÇÃO POLÍTICA DE IBIÚNA
                     Acompanhe com exclusividade os dois lado desta 'novela' da vida real

 Por: Marcos Pedroso - MTB 65.694/SP e Marcia Pedroso - MTB 65.693/SP
Prefeitura Municipal de Ibiúna

      Em entrevista exclusiva ao Jornal Gazeta de Ibiúna, na manhã desta segunda-feira (9), o Vice-Prefeito de Ibiúna, Adal Marcicano (PV) e o atual Presidente da Câmara Municipal de Ibiúna, Carlos Marques (PT) falaram sobre a atual situação política e jurídica que passa o município de Ibiúna.
     Falando sobre a situação política, o Vice- Prefeito Adal afirmou que será mantida a mesma equipe de governo de três meses atrás, com algumas pequenas alterações. "Neste período aprendemos muito e ganhamos experiência para conhecer o nosso  grupo", afirmou.
       Também informou que já está instaurado uma Auditoria interna, para levantar o que ocorreu neste três meses do Governo Fábio Bello “ Vamos fazer uma Auditoria, mas a prefeitura vai permanecer com o seu expediente normal, de portas abertas para o público”. Com relação a questão jurídica, Adal resumiu em poucas palavras: “ Esta novela chegou ao fim", justificando esta informação com base no julgamento  do Superior Tribunal de Justiça (STJ), referente ao processo do ex-prefeito Fábio Bello.
Ficamos em definitivo, Bello perdeu em terceira instância, por 5 votos a zero. Se ele tivesse tido um voto favorável, até poderia recorrer no Supremo Tribunal Federal (STF) mas,  por unanimidade, não cabe recurso.” declarou.

Adal Marcicano (PV) e Carlos Marques (PT)



PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL DE IBIÚNA, CARLOS MARQUES (PT) EXPLICA A RAPIDEZ NA MUDANÇA DE PREFEITO

      De acordo com Carlinhos, o Juiz de Ibiúna Dr. Wendell Lopes, ao ser informado sobre a decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ),   invalidando a Liminar de Fábio Bello (PMDB),  tornou nulo o ato de 26 de Setembro, que deu posse ao peemedebista e seu vice Tadeu Soares e revalidou a Diplomação de Eduardo e seu Vice Adal expedindo, no mesmo dia, um ofício autorizando a Câmara Municipal a  reempossa-los “ Não houve a necessidade de publicação no Diário Oficial, porque o Registro dele ( Bello) foi cassado” explicou.
       Ainda na ocasião, Carlinhos reforçou as palavras do vice-prefeito Adal, fazendo duras críticas ao Ex- Secretário de Negócios Jurídicos da prefeitura de Ibiúna, Dr, Douglas Bigarelli. “ Acho que o Doutor que explicou o caso ( Dr. Douglas), se formou antes de 2010, porque ele não acompanhou o que diz a Lei nº 135/2010 ( Lei da Ficha Limpa). Eu estive em Brasília e conversei com um dos Ministros e este me disse que após a implantação da Lei da Ficha Limpa, os processos passaram a ter consequência eleitoral. Aí eu pergunto: quem sabe mais, o Advogado ou o Ministro? Eu acho que é o Ministro” concluiu.
                                                                            FÁBIO BELLO REBATE ESTAS INFORMAÇÕES
Ex-Prefeito de Ibiúna Fábio Bello (PMDB)

     Por telefone, nossa equipe de reportagem também ouviu, com exclusividade, os argumentos do ex-prefeito Fábio Bello, na manhã de hoje (9). Na entrevista Bello, mais uma vez, demonstrou-se surpreso com esta situação, “Ainda não entendo o que levou o Juiz de Ibiúna, Dr. Wendell, a tomar esta decisão”, também manteve a declaração do Advogado Dr. Douglas Bigarelli, em todos os seus pontos ( veja a declaração abaixo) e finalizou demonstrando estar bastante confiante “ Estamos tomando as providências Legais e temos fé em Deus que haverá novidades nos próximos dias”. Concluiu.

SITUAÇÃO JURÍDICA
Veja a explanação jurídica do ex - Secretário de Negócios Jurídicos da Prefeitura de Ibiúna, durante a entrevista coletiva à imprensa local, realizada no último dia (6)

   De acordo com o então Secretário de Negócios Jurídicos da Prefeitura, Dr. Douglas Bigarelli, a situação de Fábio Bello já estava definida, “O Recurso Especial, que trata da prática de ato de improbidade administrativa, foi julgado ontem (5) na esfera Cível do Superior Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília. Fato este que não gera nenhuma influência na situação eleitoral atual. A partir do momento em que ele ( Bello) foi diplomado, em 6 de setembro, o processo judicial eleitoral se encerrou”. Explicou. 
Ex- Secretário Municipal Dr. Douglas
  Ainda, segundo o Ex- Secretário, para desconstituir a diplomação do Prefeito ou de qualquer candidato eleito, só existem duas vias judiciais: A Impugnação de Mandato Eletivo, que só pode ser proposta até 15 dias da Diplomação e o Recurso Contra a Expedição do Diploma, que deve ser proposto até 3 dias após a Diplomação. Com referência ao Recurso contra a Expedição do Diploma, impetrado pela oposição, Dr. Douglas esclareceu “ Entraram com o recurso seis dias após a diplomação, ou seja, perderam prazo. Este recurso foi julgado pelo (TRE) e eles perderam por 6 a 0, pois já haviam perdido o prazo quando entraram com o pedido”. Quanto a Impugnação de Mandato Eletivo, o Secretário afirmou que foi dado entrada no pedido, porém, a Justiça Eleitoral local, julgou improcedente a Ação “ Não existe 'remédio jurídico', eleitoralmente falando, não há mais meios legais para desconstituir a diplomação de Fábio Bello” declarou.   
        É importante ressaltar que esta declaração ocorreu horas antes da posse de Eduardo, em entrevista coletiva à imprensa local.

AVISO:É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, bem como modificação textual deste SITE, por qualquer meio, sem prévia autorização formal de seu Editor. Todos os Direitos Autorais reservados, conforme a Lei nº 9.610/98.
Marcos Pedroso MTB65.694/SP
Editor- Chefe
www.gazetadeibiuna.com.br
Contato:15-9.9645-4554
email:gazetadeibiuna@r7.com


Divulgue essa notícia :

Publicidade:

Mais lidas

 
Originalmente de: Johny Template
Modificado por Rudney oliveira
Copyright © 2013. Gazeta de Ibiúna - Redação: gazetadeibiuna@outlook.com Tel.: (15)9-9645-4554