Notícias recentes:
Home » , , » COLETIVA DE IMPRENSA EM IBIÚNA - Situação política do município continua complicada.

COLETIVA DE IMPRENSA EM IBIÚNA - Situação política do município continua complicada.

Postado por: gazeta de ibiuna nesta domingo, 15 de dezembro de 2013 | 06:45


COLETIVA DE IMPRENSA EM IBIÚNA - Situação política do município continua complicada.
Por: Marcos Pedroso MTB 65.694/SP e Marcia Pedroso MTB65.693/SP
Coletiva de Imprensa aconteceu no Gabinete do Prefeito
         Realizou-se na manhã da última sexta-feira (13), no gabinete do novo prefeito de Ibiúna, Professor Eduardo (PT), uma Coletiva de Imprensa, dividida em blocos e temas específicos. O formato da coletiva proporcionou um bom entendimento de todas as questões levantadas pelos jornalistas.
        O Jornal Gazeta de Ibiúna abriu a sessão de perguntas, solicitando esclarecimentos sobre a situação política de Ibiúna, referindo-se a instabilidade causada com a troca sucessiva no comando da prefeitura, também questionou se a atual situação está juridicamente definida.
       Cauteloso na resposta, Eduardo fez um breve relato relacionado ao processo eleitoral, inclusive, mencionando a Ação contra o ex-prefeito Fábio Bello (PMDB) por Improbidade Administrativa. “Trata-se de um processo do Ministério Público de São Paulo, que já vinha se arrastando há algum tempo. Após o Superior Tribunal de Justiça decidir pelo não conhecimento do Recurso, a justiça Eleitoral local revalidou nosso diploma” explicou. Ainda afirmou que o ex-prefeito Fábio Bello havia entrado no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) com um Mandado de Segurança com pedido de Liminar. Contudo, afirmou que a Juíza Clarissa Bernardo negou, justificando que a alternância no Poder prejudica a população.
Dr. Ronaldo Perrucci e o Prefeito de Ibiúna Prof. Eduardo
           Já o atual Secretário de Negócios Jurídicos da Prefeitura, Dr. Ronaldo  Perrucci, complementou a resposta, esclarecendo que foi o Ministério Público que tirou o ex-prefeito do cargo. Também esclareceu outros pontos do processo, declarando que cabe alguns Recursos ao ex-prefeito e que a situação ainda não está 100% definida. Visivelmente exaltado, Eduardo encerrou o primeiro bloco de perguntas fazendo questão de ressaltar que não acredita em uma nova mudança “Nós não vislumbramos esta situação. Agora, cada um acredita no que quiser” finalizou.

SECRETARIADO
              De acordo com o novo Prefeito, a equipe de Secretários está reduzida a apenas alguns Secretários nomeados. A equipe completa só será conhecida oficialmente no início de 2014. Também informou que há um grande número de voluntários trabalhando em diversas Pastas. Contudo, questionado sobre a legalidade deste método, informou que os voluntários não estão respondendo e nem assinando nada. Dr. Perrucci, respondendo pelo Jurídico, também deixou claro que os colaboradores não respondem juridicamente pelas Pastas.


CRIME AMBIENTAL
      O crime ambiental ocorrido na altura do km67 da Rodovia Bunjiro Nakao, em Ibiúna, interior de São Paulo, também foi tema levantado pelos jornalistas. Trata-se de uma área de 130.000m² de mata nativa que foi completamente devastada, causando grande repercussão em toda a região.     
     De acordo com o Engenheiro Florestal, Fernando Salles Rosa, respondendo como novo Secretário de Meio Ambiente de Ibiúna, foi aberto um processo abrangendo a esfera cível e criminal, cujo a área já está embargada. Já o prefeito reforçou dizendo que não medirá esforços para que a justiça seja feita e os responsáveis sejam punidos pelo crime que cometeram.
FINANCEIRO
                  A boa notícia da Coletiva, veio do setor financeiro. De acordo com o Secretário de Finanças, Leandro Silva, a situação encontrada irá permitir cumprir os compromissos de final de ano, inclusive, com o pagamento do 13º salário dos funcionários públicos municipais. Além disso, informou que as contas bancárias estão nos padrões aceitáveis e que o município está com a Certidão Negativa de Débitos (CND) positiva.
SAÚDE
              Durante a Coletiva, Eduardo comunicou a decretação de situação de emergência no setor da Saúde de Ibiúna, objetivando a elaboração de um Termo de Ajuste de Conduta ( TAC) junto ao Ministério Público de Ibiúna.
                  Com isso, de acordo com Dr. Perrucci, a prefeitura ganha proteção Legal especial, uma espécie de salvaguardas, para tomar providências no setor de Saúde. Ainda no mesmo tema, o prefeito destacou a situação ilegal dos funcionários da IBIS, empresa que vinha administrando a Saúde pública do município, inclusive durante os nove meses de sua 1ª gestão. “ Romperam com a empresa, mas seus funcionários continuaram trabalhando em situação irregular” Eduardo fez questão de destacar que há funcionários sem registro de carteira e pagamentos sendo efetuados diretamente pela prefeitura e de forma individual.
TRANSPORTE
                   Em relação ao transporte público municipal, Eduardo informou que está havendo fiscalização na Rodoviária para avaliar as condições dos veículos “ Já encontramos veículos fabricados no ano de 1991”. Também informou que estaria se reunindo, logo após a coletiva, com os empresários responsáveis pela Viação Raposo Tavares, com o objetivo de tomar conhecimento do contrato firmado com o município “ Sabemos que o contrato tem duração de 180 dias e vamos cumprir o que ali está estabelecido”. Contudo, fez questão de deixar claro que a solução futura será a implantação de um Plano de Mobilidade Urbana que poderá resolver, de vez, o problema do transporte público municipal. Este plano, segundo Eduardo, possibilita abrir uma licitação, pondo um fim nos contratos emergenciais.


Arquiteta Francine Marsarotto
RODOVIÁRIA
                De acordo com Arquiteta da Secretaria de Obras da Prefeitura, Francine Marsarotto, os atrasos nas obras da rodoviária aconteceram por conta de um impasse entre a prefeitura e os comerciantes dos boxes existentes no local, que se recusaram a desocupá-los para a reforma. Já a reforma externa do Terminal gerou outro impasse com os taxistas, que se recusaram a mudar o ponto de lugar. Com isso, segundo a Arquiteta, a empresa responsável pela reforma trabalhou com um número reduzido de funcionários e perdeu o prazo de entrega da obra. O contrato venceu em 08 de novembro e foi rompido nesse período. Agora para dar continuidade as reformas, será necessário uma nova licitação.
CICLOVIA
               A Arquiteta, ainda esclareceu questões relacionadas à verba do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias (DADE), inclusive as destinadas a construção da ciclovia “ Tínhamos em torno de pouco mais de R$3 milhões, metade deste montante seriam destinados à etapa final da ciclovia” informou.
                Com isso, segundo ela (Francine), a etapa 2 da ciclovia seria feita com verbas do DADE 2011 e a verba de 2012 foi perdida na Gestão Coiti Muramatso. A outra metade da verba DADE 2013, algo em torno de R$1,3 milhão seria utilizado para reurbanização do município. Também informou que, recentemente, houve uma mudança no objeto do projeto de reurbanização e padronização de calçadas, sendo alterado para recapeamento asfáltico do bairro do Colégio. “ O DADE comunicou a prefeitura, que Ibiúna nunca apresentou projetos turísticos e esta verba é destinada apenas para estâncias turísticas. Sempre pegaram esta verba e aplicaram em asfalto e o DADE está proibindo este tipo de prática”, concluiu.

Vice- prefeito de Ibiúna Adal Marcicano e Prefeito Prof. Eduardo
CONSIDERAÇÕES FINAIS

          O Vice-prefeito, Adal Marcicano (PV), fez uma breve participação “ Temos que ter humildade e entendemos que estamos passando por um momento difícil. O aplauso que esperamos receber será no fim do nosso mandato, com a avaliação de um bom governo” finalizou. Já o Prefeito Professor Eduardo fez suas considerações finais, desejando um Feliz Natal à todos da Imprensa ali presentes.





AVISO:É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, bem como modificação textual deste SITE, por qualquer meio, sem prévia autorização formal de seu Editor. Todos os Direitos Autorais reservados, conforme a Lei nº 9.610/98.
Marcos Pedroso MTB65.694/SP
Editor- Chefe
www.gazetadeibiuna.com.br
Contato:15-9.9645-4554
email:gazetadeibiuna@r7.com


Divulgue essa notícia :

Publicidade:

Mais lidas

 
Originalmente de: Johny Template
Modificado por Rudney oliveira
Copyright © 2013. Gazeta de Ibiúna - Redação: gazetadeibiuna@outlook.com Tel.: (15)9-9645-4554