Notícias recentes:
Home » , , , » PRESO ASSASSINO DE POLICIAL MILITAR EM IBIÚNA: Assassino estava em um táxi que trafegava próximo ao centro da cidade.

PRESO ASSASSINO DE POLICIAL MILITAR EM IBIÚNA: Assassino estava em um táxi que trafegava próximo ao centro da cidade.

Postado por: gazeta de ibiuna nesta segunda-feira, 5 de maio de 2014 | 14:42

PRESO ASSASSINO DE POLICIAL MILITAR EM IBIÚNA: Assassino estava em um táxi que trafegava próximo ao centro da cidade.

  Por: Marcos Pedroso - MTB 65.694/SP e 
          Marcia Pedroso - MTB65.693/SP 
   No começo da tarde desta segunda-feira (5) foi preso, na região central de Ibiúna, interior paulista, o assassino confesso do Policial Militar Everaldo Fernando de Moura, 36 anos, ocorrida na noite do último domingo (4).
     A prisão de Diego Mendes Reis, 23 anos, aconteceu após uma denúncia anônima, com informações sobre o paradeiro do indivíduo, inclusive mencionando a sua rota de fuga. Com estas informações, equipes da Guarda Civil de Ibiúna passaram a acompanhar um táxi ( modelo Corolla)  em um percurso de aproximadamente 3 quilômetros, desde a entrada do Conjunto Habitacional Santa Lúcia (CDHU) até a rotatória, já na saída para São Paulo, onde houve a abordagem.

Policial Militar: Everaldo Fernando de Moura
 MOMENTO DA ABORDAGEM

     Vale destacar que neste percurso foi utilizado um veículo, descaracterizado, do Serviço Reservado da Guarda Civil de Ibiúna  " Procuramos fazer uma abordagem com  cautela, uma vez que o indivíduo estava portando uma arma (.40) do PM assassinado" informou a equipe da GCM formada pelos Soldados Santos, Michael, Moraes e Renato Filho, responsáveis pela prisão. Também informaram que no momento da prisão o indivíduo não esboçou reação, confessou o crime e  entregou a arma, que estava escondida no banco do táxi. Ainda de acordo com a equipe, a preocupação da GCM era preservar a integridade física de terceiros, inclusive do taxista e da esposa de Diego, grávida de sete meses, que também estava no táxi.



                         DESENTENDIMENTO
  De acordo com informações da polícia, o assassinato ocorreu após um desentendimento entre cunhados, já que  a vítima mantinha um relacionamento com a  irmã do assassino.  Por motivos ainda desconhecidos, logo após afastar-se do quarto do casal, o indivíduo armou-se com uma  faca e retornou, em seguida, batendo na porta. Quando  o policial abriu, levou uma facada no pescoço e foi desarmado. Na sequência, já com a arma de fogo em mãos, Diego efetuou um disparo certeiro na cabeça do policial, fugindo em seguida, na direção de um matagal. A vítima ainda foi socorrida com vida, mas morreu assim que deu entrada no Hospital Municipal de Ibiúna.






Divulgue essa notícia :

Publicidade:

Mais lidas

 
Originalmente de: Johny Template
Modificado por Rudney oliveira
Copyright © 2013. Gazeta de Ibiúna - Redação: gazetadeibiuna@outlook.com Tel.: (15)9-9645-4554