Notícias recentes:
Home » , , , » GALPÃO DO TERROR EM IBIÚNA: Descoberto um grande volume de lixo hospitalar estocado de forma inadequada em um galpão do Aterro Sanitário do município.

GALPÃO DO TERROR EM IBIÚNA: Descoberto um grande volume de lixo hospitalar estocado de forma inadequada em um galpão do Aterro Sanitário do município.

Postado por: gazeta de ibiuna nesta terça-feira, 11 de fevereiro de 2014 | 13:55

GALPÃO DO TERROR EM IBIÚNA: Descoberto um grande volume de  lixo hospitalar estocado de forma inadequada em um galpão do Aterro Sanitário do município. Também levantou-se a  suspeita de possíveis  descartes de fetos  junto com o lixo hospitalar.
 
          Por:Marcos Pedroso- MTB 65.694/SP
Lixo hospitalar foi encontrado estocado neste galpão
      O Jornal Gazeta de Ibiúna acompanhou um grupo de vereadores ibiunenses em uma inspeção no Aterro Sanitário do município, na manhã desta terça-feira (11). Na ocasião, dois representantes da Polícia Militar Ambiental acompanharam o momento da vistoria. Contudo, limitaram-se a informar que o fato seria comunicado à seus superiores para possíveis providências.
  O Aterro Sanitário está localizado no bairro do Cupim, distante cerca de 5 quilômetros do centro de Ibiúna. Moradores dos bairros vizinhos, como Recanto Primavera, reclamam do mal cheiro e denunciam problemas de agravamento de doenças respiratórias, principalmente entre as crianças e idosos. Também denunciam a contaminação de nascentes e a proliferação de moscas, já que o lixo está exposto a céu aberto.
LIXO HOSPITALAR

Momento da chegada no galpão
No galpão do Aterro foi encontrado grande quantidade de remédios com prazo de validade vencido, inclusive os de tarja preta. Também levantou-se a suspeita de possíveis descartes de fetos junto com o lixo hospitalar. De acordo com o Secretário Municipal de Meio Ambiente, Fernando Sales, aproximadamente 2,5 toneladas de lixo hospitalar são produzidas mensalmente no município e a empresa Ecovida, que faz a coleta atualmente, não é responsável pelo tratamento. Com respeito ao grande volume de lixo contaminante encontrado no galpão, Fernando garantiu que este será retirado até início da próxima semana “ Vamos fazer um contrato emergencial global para o lixo, onde será incluído o serviço de tratamento desses resíduos” informou.

            O Jornal Gazeta de Ibiúna voltará ao local na próxima semana para confirmar esta informação.


 Parabéns aos Vereadores que estiveram no local:
Pedrão da Água (PROS), Rozi da Farmárcia (PV),
Beto Arrais (PPS) e Paulinho Sasaki (PTB)

GALERIA DE FOTOS 

 Flagrante de  lixo a céu aberto no Aterro

Resíduos variados: Volume envolvido em um saco plástico.
Medicamentos com prazo de validade vencido no galpão.
Perigo: Medicamentos de tarja preta
 
Perigo de contaminação

Seringas descartadas em garrafa PET
PERIGO: foi constatado um grande volume deste material no galpão.
Ampolas também representam um grande perigo no local.

Repare que uma parte do lixo está no meio da água
Moradores dos bairros próximos ao Aterro Sanitário pedem providências urgentes.






AVISO:É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, 
bem como modificação textual deste SITE, por qualquer meio, sem prévia
 autorização formal de seu Editor. Todos os Direitos Autorais reservados, 
conforme a Lei nº 9.610/98.

Marcos Pedroso MTB65.694/SP


Editor- Chefe


www.gazetadeibiuna.com.br

Contato:15-9.9645-4554

email:gazetadeibiuna@r7.com

Divulgue essa notícia :

Publicidade:

Mais lidas

 
Originalmente de: Johny Template
Modificado por Rudney oliveira
Copyright © 2013. Gazeta de Ibiúna - Redação: gazetadeibiuna@outlook.com Tel.: (15)9-9645-4554